Tudo o que você precisa saber para optar por um implante dentário

Quebrou? Precisou extrair? Substituir?

Nem tudo está perdido, as tecnologias odontológicas permitem o Implante de um novo dente, igual ou melhor ao natural, através da técnica da implantodontia, que consistem em repor o dente perdido por uma prótese resistente e que garante uma excelente estética. O aperfeiçoamento desta técnica cresceu tanto que é possível substituir um dente sem que, se quer, qualquer diferença seja notada.

O que são implantes?

Os implantes são “pinos” semelhantes a parafusos, de titânio, enxertados na mandíbula, que substituem a raiz do dente perdido. Após um período chamado ósseointegração é instalada uma prótese sobre o implante. O implante ósseointegrado é o mais seguro e confortável e que gera maior grau de satisfação entre os usuários.

Quais os benefícios de um implante dental?

Os benefícios propiciados pela reposição dentária através de implantes vão muito além da estética, que já é muito importante. Com o implante o paciente melhora a mastigação, o que irá contribuir para o melhor funcionamento do aparelho digestivo. Os implantes não causam desgastes aos dentes vizinhos e auxiliam na fixação de próteses removíveis podendo ainda substituí-las. Os implantes previnem ainda a perda do osso que é comum acontecer com próteses fixas ou removíveis.

O que é preciso saber antes de optar por um implante de dente?

O paciente precisa estar ciente que, embora existam diversos tipos de implantes dentários no mercado, nem todos atendem aos anseios de cada um. É preciso considerar a relação com desenhos e arcadas dentárias, tratamento de superfícies e custos. A escolha de determinado implante deve estar associada ao tipo de problema a ser tratado, para tanto a avaliação de um especialista no assunto é de suma importância. Ele vai associar o processo de reconstrução com fatores como: idade, estado da estrutura maxilar, situação da saúde em geral, e as razões pelas quais houve a perda dos dentes.

E o que vem depois?

Feita a escolha do tipo de implante, o cirurgião dentista pede uma série de exames para que seja feita uma avaliação para então ser elaborado o planejamento específico para o paciente, com a segurança de que ele não terá complicações.

Que tipo de anestesia é utilizada?

A anestesia é local, a mesma utilizada em simples extrações ou restaurações. Em casos muito específicos que requer de ambiente hospitalar, a anestesia pode ser geral.

E depois do implante realizado, como é o processo de colocação da prótese e quanto tempo leva?

Depois do processo de integração do titânio com o osso, período que pode levar cerca de 20 dias, dependendo da capacidade de cicatrização de cada paciente, a colocação da prótese ou coroa é rápida, o dentista confecciona o material, aí é só encaixar. O tipo de material utilizado é escolhido pelo paciente com orientação do profissional responsável.

Existe a possibilidade de rejeição pelo organismo?

Não, os implantes são feitos de material biocompatível, entretanto, existe uma remota possibilidade de que o material não se integre ao osso. Neste caso, é feita uma troca, se isso ocorrer, é altamente improvável que o segundo implante não se integre.

Os implantes são confortáveis?

A integração da prótese com a boca é tão perfeita que o paciente nem percebe a diferença dos dentes naturais. Os implantes permitem ao paciente sorrir, mastigar e falar com total confiança e conforto.

Qual o grau de confiabilidade?

Isso depende da escolha de profissionais qualificados que usem produtos de qualidade.

Quem pode receber implantes?

Todas as pessoas, a partir da puberdade, sem limite de idade.

O tratamento é muito dolorido?

Comumente a dor é mínima. Enquanto submetido a tratamento, o paciente recebe anestesia local. As possíveis dores pós-cirúrgicas são, na maioria, leves e podem permanecer por até 72 horas e são facilmente aliviadas com analgésico de venda livre.

Quanto tempo pode durar o procedimento de implante?

A colocação do implante é feita em cerca de uma hora, o período de cicatrização com o osso leva algumas semanas, dependendo de cada paciente. Se os ossos forem de má qualidade e se fizer necessários procedimentos de enxerto ósseo, o processo total pode levar 12 ou mais meses. O dentista deverá determinar qual o melhor procedimento cirúrgico.

Como manter o implante adequadamente depois que o tratamento for concluído?

Os implantes dentários exigem menos manutenção que dentes naturais. A manutenção depende somente da higiene.

Quanto tempo dura um implante?

Não existe motivo para um implante não durar a vida toda. Entretanto, situações específicas, como trauma facial ou oclusal, podem ter impacto negativo sobre sua longevidade.

O que é um enxerto ósseo?

Um enxerto ósseo é um procedimento cirúrgico para acrescentar altura ou largura ao osso maxilar de modo a aumentar seu volume para colocação de um implante. Diversas técnicas são utilizadas para enxertia, cabendo ao cirurgião optar pela mais viável para cada caso.

O que é carga imediata?

É o tratamento em que a instalação do implante (pino) e a prótese (coroa) acontecem em uma única sessão. Para a realização desse procedimento algumas questões devem ser avaliadas como: boa quantidade óssea disponível; oclusão adequada e alguns outros fatores que são avaliados por profissionais. A grande vantagem de um tratamento desse tipo é que o interessado instala os implantes e a prótese definitiva no mesmo dia e, se desejar, ainda poderá realizar toda essa intervenção cirúrgica sob sedação.

Para que esse tipo de trabalho seja possível, além de uma equipe altamente especializada em procedimentos como esse, a infraestrutura da clínica, deverá permitir que o paciente possa descansar em uma sala privativa durante os intervalos necessários à confecção da prótese, alimentando-se, descansando e tudo o que for importante para a sua permanência no ambiente clínico, até que a prótese seja finalizada e instalada adequadamente. Saiba mais

O que é uma prótese protocolo?

Pacientes desdentados totais que almejam ter dentes fixos na boca ao invés de dentadura podem optar por esse tipo de tratamento. São colocados de 6 a 8 implantes na maxila e de 4 a 5 na mandíbula e sobre eles e parafusado uma prótese, permitindo segurança e conforto ao paciente. Saiba mais

O que é Overdenture?

Também conhecida como sobre dentadura, é um tratamento realizado para pacientes portadores de próteses totais (dentaduras) permitindo a fixação e maior estabilidade da prótese. Esta é presa a implantes através de sistemas que “grudam” a prótese impossibilitando que a mesma saia da boca. Saiba mais

O que quer dizer Sedação endovenosa?

A sedação endovenosa é realizada por um médico anestesiologista, este tipo de sedação é indicada para alguns pacientes para um melhor conforto tanto para o cirurgião dentista quanto para o paciente. A sedação endovenosa consciente é algo muito seguro ao paciente, desde que realizada com profissionais capacitados em conjunto com uma equipe cirúrgica experiente e em um local com estrutura física adequada!

Quais os riscos cirúrgicos?

Mínimos. A cirurgia é feita com anestesia local e é muito mais simples que outros procedimentos cirúrgicos odontológicos, como a extração de um dente incluso por exemplo. O pós- operatório e muito bom, desde que o paciente siga todas as recomendações, sendo assim não relatando qualquer incomodo maior.